FANDOM


Ciclo → Inglês.


A sementeira em ciclos é uma característica da maioria dos jogos de mancala. As sementes são geralmente distribuídas ao longo de um percurso fechado, ou seja, um percurso com o mesmo início e fim.

Número de Ciclos

A maioria dos jogos com duas ou três filas possuem um só ciclo, que é partilhado por ambos os jogadores. Excepções à afirmação anterior podemos observar nos seguintes jogos: Azigo (que tem dois ciclos), Cups (não tem ciclos), Diffusion (tem ciclos de voltas multiplas) e Trias (que tem quase dois ciclos com voltas múltiplas).

Os jogos com quatro e seis filas possuem quase sempre dois ciclos distintos, que se traduzem na existência de um ciclo diferente, para cada um dos jogadores. Uma excepção ao que se acabou de afirmar, verifica-se no jogo Four-rank Diffusion, que possui muitos ciclos de voltas múltiplas.

Muito poucos são os jogos de mancala onde não se verifica a existência de ciclo, ou seja, a título de exemplo os jogos: Cups, Atomic Wari, e Sowing.

A Direcção da Sementeira

Clockwise arrow.svg
Counterclockwise arrow.svg

A direcção da sementeira assemelha-se ao movimento que dos ponteiro do relógio. A sementeira pode ser no sentido horário (se for para a esquerda) ou anti-horário (se for para a direita). A sementeira no sentido anti-horário é mais comum do que a sementeira no sentido horário, inclusive nos modernos jogos de mancala. Segundo Assia Popova, o sentido horário é conhecido como o sentido do movimento do sol ou o símbolo do princípio masculino, na mitologia da Ásia Central enquanto o sentido anti-horário é o símbolo do princípio feminino. Widdershins, um moderno jogo de mancala concebido por David Parlett, é assim conhecido subsequente ao sentido do princípio feminino do jogo.

O Movimento sem Fim

Jogos com voltas múltiplas podem ter movimentos repetitivos ou sem um fim, ou seja, movimentos que continuam ciclo após ciclo, às voltas no tabuleiro, sem se encontrar, no tabuleiro, uma forma desses movimentos terminarem. Estas propriedades matemáticas foram observadas e objecto de estudo em Bao e Omweso.

A Consultar

Referências

Deledicq, A. & Popova, A.
Wari et Solo: Le Jeu de Calculs Africain (Collection "Les Distracts" 3). CEDIC, Paris (França) 1977, 177-179.
Kronenburg, T., Donkers, J. & de Voogt, A. J.
Never-Ending Moves in Bao. No: ICGA Journal 2006; 29 (2): 74-78.
Wernham, B. 
Omweso: The Royal Mancala Game of Uganda (Boardgames in Academia V). Paper presented at Board Game Studies Colloquium V, Barcelona (Espanha) 2001 (21 de Abril -25 de Abril).

Copyright / Licença

O texto desta página está sob a CC by-sa 2.5 licença.
© Miceu Tavares

Ad blocker interference detected!


Wikia is a free-to-use site that makes money from advertising. We have a modified experience for viewers using ad blockers

Wikia is not accessible if you’ve made further modifications. Remove the custom ad blocker rule(s) and the page will load as expected.